Junho | 2018 | Ano IX – Edição 108 – Cuidando dos Moradores da Terceira Idade do Méier

Cuidando dos Moradores da Terceira Idade do Méier

Palestra

Palestra do Dr Thiago Bicalho, na UNATI

O Méier é o bairro com o maior número de idosos da Zona Norte. A Organização Mundial de Saúde estima que em 2030 haverá no planeta mais pessoas que passaram dos 60 anos que crianças com menos de cinco anos. Felizmente, no nosso bairro podemos encontrar profissionais e instituições que estão preocupados com o bem estar e saúde desses moradores e desenvolvem trabalhos voltados para esse público. Por iniciativa do geriatra Thiago Bicalho, médico do Hospital Pasteur e Diretor da Clínica CuidarVC, no Méier, o Pasteur desenvolve há dois anos o Programa Atenção ao Idoso. São palestras gratuitas realizadas no auditório do hospital. Dr. Thiago destaca a importância de investir na instrução da população local por meio de palestras sobre saúde. “No âmbito da geriatria, já foram realizados encontros mensais que abordaram temas como: depressão no paciente idoso, doença de Alzheimer, longevidade saudável e os principais desafios do envelhecimento, incontinência urinária, tratamento da pneumonia etc. Nossa proposta é instruir não só o idoso, mas também todos os que estão envolvidos no seu cuidado”, relatou.

Palestra2

À direita: Dr Thiago Bicalho, com participantes da palestra, no Hospital Pasteur

A UNATI-UCAM, Universidade Aberta para a Terceira Idade, completou 25 anos e funciona na Universidade Cândido Mendes Méier desde 2012. É um curso de atualização de conhecimentos criado por professores universitários, que tem como objetivo principal atender a todos que desejam se manter ativos em suas vidas, se atualizando para estar sempre integrado. É um espaço para se sentir bem, fazer novas amizades e trocar experiências. A coordenadora da UNATI, Leny Arienti diz que a parceria firmada com o Dr. Thiago Bicalho é muito importante. “Ter o Dr. Thiago conosco é um prazer, pois ele não é só médico, ele é dedicado à profissão, sempre fala muito da prevenção, não incentiva o uso de muitos medicamentos e sempre reforça o que se trabalha aqui. Esta iniciativa é muito boa, trabalhamos em conjunto com o objetivo de ajudar os nossos alunos, a terceira idade precisa desses ensinamentos”, declarou.

Em abril, comemorando o dia Mundial da Saúde, Dr. Thiago Bicalho ministrou a palestra “A Doença de Alzheimer”, na UNATI. O encontro deu continuidade ao ciclo de apresentações realizadas pela professora da UNATI Fernanda Amaral Picasso, que trabalhou o aspecto psicológico e social com os alunos, já o geriatra desenvolveu o aspecto clínico da doença. Para Fernanda Amaral o início da doença é a parte mais complicada, pois sabemos que é incurável. “A doença de Alzheimer é altamente incapacitante em todos os sentidos e muito difícil para a família. A medicação retarda os sintomas, como a depressão e esquecimento e os remédios melhoram esses aspectos. As palestras do Dr. Thiago complementam aquilo que não é minha área, e esta parceria é de muito valor para todos os envolvidos”, declarou a psicóloga que atua há quatro anos na Instituição.

O diretor da Universidade Candido Mendes, João Ricardo Nesi Fernandes de Sá, conta que quando assumiu a direção a UNATI já existia na instituição. Mas, apoia totalmente a iniciativa. “A UNATI é um trabalho importantíssimo de inclusão, que dá aos nossos idosos ânimo de viver, de se reciclarem e manterem a mente ativa. Além das aulas, eles têm oficinas, coral, mantendo uma longevidade saudável. A terceira idade tem limitações físicas, mas não incapacitantes”, afirmou o diretor.

Palestra3

No centro: Dr. Thiago Bicalho com alunas da UNATI

A doença de Alzheimer é uma das principais causas de demência, que atinge 47,5 milhões de pessoas, segundo a Organização Mundial de Saúde, e que tem 7,7 milhões de novos casos a cada ano. Dr. Bicalho ressaltou que exercitar o cérebro é crucial para desacelerar a doença, além da ajuda familiar durante o processo de tratamento, integração social e alimentação equilibrada. À medida que evolui, o quadro de sintomas pode incluir confusão, irritabilidade, alterações de humor, comportamento agressivo, dificuldades com a linguagem e perda de memória a longo prazo. “Apesar de ainda não existir a cura para a Alzheimer é possível retardar e proteger a mente através de exercícios que estimulam o cérebro, já que os principais sintomas incluem dificuldade progressiva em guardar fatos recentes, o que se denomina perda de memória a curto prazo”, informou. Dr. Thiago declarou ainda que no nosso bairro podemos contar com a Academia da Mente para exercitar o cérebro e protegê-lo através de jogos, exercícios e dinâmicas.

No dia cinco de maio, dando continuidade ao Programa Atenção ao Idoso, oferecido pelo Hospital Pasteur, a palestra ministrada pelo Dr. Thiago foi sobre a Osteoporose nos Idosos. Dez milhões de brasileiros sofrem com o distúrbio. Um em cada cinco homens e uma em cada três mulheres são acometidos pela doença. A osteoporose caracteriza-se pela redução da massa óssea e prejuízo da microarquitetura do tecido ósseo, com consequente suscetibilidade às fraturas. “Setenta e cinco por cento dos diagnósticos são feitos somente após a primeira fratura. O diagnóstico precoce é sempre muito importante. Deve-se intervir sobre os fatores de risco que são modificáveis na mulher na pós-menopausa, estimular a atividade física, abandono do tabagismo, restrição de medicações sedativas e hipnóticas, bem como outros motivos que possam reduzir a massa óssea”, informou.

O geriatra explicou ainda que ensaios clínicos têm comprovado que a indicação de atividade física supervisionada promove melhorias da capacidade funcional, força muscular, equilíbrio, coordenação, melhoria da flexibilidade e qualidade de vida. Dr. Thiago apresentou aos presentes o fisioterapeuta Marcos Baptista, que trabalha com RPG, Paralisia Facial e Pilates.

Ao final Dr. Thiago convidou a todos para a próxima palestra, no Hospital Pasteur, no dia 16 de junho e o tema escolhido será “Polifarmácia – A dificuldade dos idosos que tomam muitos remédios”. No dia 27 de junho, a palestra será na UNATI, com o tema: “A Pneumonia nos Idosos e a importância da vacinação”. As palestras na UNATI e no Hospital Pasteur são gratuitas.

No Centro Cultural João Nogueira, Imperator, o projeto Quartas Brasileiras também oferece atrações voltadas para a terceira idade. O projeto completou três anos e apresenta na edição de junho Zezé Motta lançando seu CD “O Samba mandou me chamar”. Os shows são às quartas-feiras, às 16h. O ingresso para o púbico da terceira idade custa apenas 25 reais.

Os nossos idosos têm a oportunidade de encontrar no bairro profissionais competentes, especializados e dedicados a esse público. Relacionamos alguns contatos abaixo, que foram citados na matéria, para que os nossos idosos tenham atividade física e mental e uma longevidade saudável.

Palestra4

Por: Solange Diniz e Sofia Teixeira

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>