Maio|2016| ano VII edição 83 – Comprovando os Fatos

Comprovando os Fatos

balanca_da_justica_mulher_venda_foto_arquivo_ybs_2008Diariamente muitas pessoas contratam as mais variadas formas de serviço, tais como telefonia móvel ou fixa, energia elétrica, gás, transportes, serviços bancários, dentre outros, bem como adquirem os mais variados tipos de produtos. Se o produto comprado não apresenta defeito ou o serviço é prestado corretamente, tudo bem, não há com o que se preocupar. Todavia pode acontecer de o produto adquirido apresentar algum defeito ou a prestação do serviço não ser prestada corretamente vindo causar sérios aborrecimentos e até mesmo prejuízos materiais ou de ordem moral. Então o que fazer?

É certo que a primeira providência é procurar a empresa que vendeu o produto ou forneceu o serviço e tentar resolver o problema administrativamente, porém se a empresa não satisfaz a necessidade do consumidor, não solucionando o defeito ou a falha na prestação de serviço, torna-se necessário recorrer ao Judiciário mediante a propositura de uma ação.

Esta pretensão, de ver resolvido o seu problema, vai ser analisada por um Juiz, terceiro estranho nesta relação e que não presenciou os fatos, daí a necessidade de você, assim que o problema surgir, começar a fazer provas dos fatos para que o Julgador possa, ao analisar o seu pedido, comprovar que o seu direito foi desrespeitado.

Exemplificando, se você tem uma linha de telefonia fixa ou móvel que parou de funcionar, ligue imediatamente para a concessionária de telefonia explique o que está ocorrendo e delimite com quem falou, o dia, a hora e anote o número de protocolo da reclamação. Lembre-se que as ligações são gravadas, tornando-se primordial que sua explicação seja bem compreendida e sua forma de falar seja em tom amigável. Procure estabelecer com o funcionário da empresa o momento para solução do problema, por exemplo, o dia e hora em que um técnico vai até sua residência.

É importante ter clareza tanto na exposição do problema ocorrido, quanto ao modo de solução que a empresa propõe. Faça quantas ligações forem necessárias, mas respeite os prazos que lhe forem apresentados antes de retornar com a reclamação.

Se a empresa não resolver a questão, você terá todas as provas necessárias para demonstrar que o seu direito foi violado.

Faça isto e você verá que será muito mais fácil para o Juiz verificar que você está com a razão e lhe dar ganho de causa.

No próximo encontro vou dizer como fazer provas em acidentes de trânsito.

Até breve!

NUNES & SOUZA ADVOGADOS
Dr. Joni Tadeu de Souza
OAB/RJ 130997
Rua Carolina Méier, 38 Sl. 101 – Méier
Tel.: 3802.1659 | 98296.1870
nunessouza.adv@yahoo.com.br

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>