Agosto | 2017 | Ano VIII – Edição 98 – A Influência do Exercício Físico no Diabetes

A Influência do Exercício Físico no Diabetes

ThinkstockPhotos-531696455

Para prevenção e tratamento do diabetes aconselha-se a prática regular de exercícios físicos, que conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS) menciona: “a inatividade física é a principal causa de aproximadamente 27% do surgimento da doença”. Ou seja, continuando a explicar o artigo do mês passado, com a saída do sedentarismo, muitas pessoas poderiam evitar ou prorrogar o surgimento da doença ou simplesmente ganhar mais qualidade de vida.

O Portal Diabetes informa que “a atividade física contribui para a redução da glicemia e da necessidade de insulina no diabético tipo 1, e medicamentos no tipo 2, pois melhora a captação de glicose pelas células. Além desses benefícios, ainda auxilia na melhora da circulação sanguínea, o que no paciente diabético é por vezes prejudicado”. É favorecido o emagrecimento, fator crucial para maior condição física, gastando mais calorias e diminuindo o colesterol LDL, prevenindo problemas cardiológicos, também pelo aumento do HDL, que “limpa” e protege as paredes das veias e artérias. Assim, se propicia um bom caminho para a insulina chegar ao seu destino, sem barreiras por entupimento circulatório.

A fim de controlar o diabetes, recomenda-se a prática de exercícios físicos por no mínimo 150 minutos por semana, podendo variar de 3 vezes de 50 minutos ou em 5 dias com treinos de meia hora. Vale ressaltar que exercícios vigorosos de longa duração podem ocasionar um quadro de hipoglicemia, pois durante e após sua execução, o corpo gera energia e continua gastando calorias para recuperação muscular.

Interessante dizer que o contrário também pode ocorrer, pois quando um indivíduo executa uma atividade de curta duração, com intensidade elevada, o nível de açúcar no sangue pode aumentar e proporcionar a hiperglicemia. Isso acontece porque são liberados hormônios contrarreguladores, como adrenalina, atrapalhando o uso correto da insulina.

Alguns estudos mostram que indivíduos fisicamente ativos têm menos probabilidade de desenvolver diabetes, em comparação a indivíduos inativos. O efeito da atividade física parece ser devido à adaptação metabólica do músculo esquelético (maior capacidade de captação de oxigênio) e a uso adequado da glicose pelo músculo, pelo aumento da sensibilidade e aproveitamento do organismo à insulina.

O diabetes melhora, pode acreditar.

THIAGO SOARES PERSONAL
CREF: 025751

Profissional de Educação Física

Personal Trainer, especialista em atividade física para idosos e necessidades especiais
ATENDIMENTO EM DOMICÍLIO
Doenças degenerativas/psiquiátricas/Demências
Autismo/Síndrome de Down/Cadeirante
Personal Coach (consultor de saúde e atividade física)
whatsapp-logo-icone-1 99522.8671 (TIM)
facebook:thiagosoarespersonal
E-mail: thiagosoares.vivabem@gmail.com

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>