Agosto | 2014 Ano V – Edição 62 – Hospital Pasteur: Gravidez e câncer de mama

Foto: Ubirajara Chaves | Fonte: Assessoria de Imprensa do Hospital Pasteur

Jornal_Novidades_Agosto2014_hospitalpasteurQuinta causa de morte entre as mulheres, de acordo com as informações do Instituto Nacional de Câncer (INCA/MS), o câncer de mama apresenta ainda mais temor se diagnosticado na gravidez. Passar por uma gestação e, ao mesmo tempo, por um problema grave de saúde impõe mais desafios quanto às opções terapêuticas da paciente.

Maria de Fátima Gonçalves dos Santos, mastologista do Centro Oncológico do Hospital Pasteur, explica que, diante da tendência de as mulheres adiarem cada vez mais a primeira gestação, ainda que sejam raros os casos de câncer de mama no período gestacional, essa é uma realidade no cenário atual. “O câncer de mama associado à gravidez pode ocorrer durante a gestação e até um ano após o parto. Nesses casos, em virtude da mama estar intumescida por conta do desenvolvimento do leite materno, o diagnóstico pode ser atrasado, o que dificulta o tratamento”, informa a especialista.

A médica explica ainda que alguns métodos de diagnóstico, como a mamografia, podem ser realizados em gestantes, desde que com as devidas proteções de barreira na região do abdômen. Outro exame que poderá auxiliar o diagnóstico de suspeita de câncer é a ultrassonografia, que não oferece riscos à paciente. “Por outro lado, o exame de ressonância magnética é um método controverso, pois o contraste atravessa a barreira placentária, podendo ocasionar alterações fetais. A escolha do tratamento e dos exames complementares vai depender do tempo de gestação e do estágio da doença”, ressalta a mastologista.

Infelizmente, a gestação nem sempre é segura ou recomendada em casos de doenças crônicas, como o câncer, especialmente. A legislação brasileira, inclusive, permite a interrupção da gravidez quando a probabilidade de morte da gestante é grande. No primeiro trimestre, por exemplo, existem algumas restrições, pois a formação do feto ocorre entre a primeira e a oitava semana. Segundo Maria de Fátima, “procedimentos com quimioterapia e radioterapia deverão ser evitados nesse período, mas a cirurgia poderá ser realizada a qualquer momento da gestação. O importante é que a mulher esteja em boas condições clínicas para o tratamento”.

Decidir continuar o curso da gestação simultaneamente à doença é uma decisão que compete à mulher, sempre respaldada pelas informações da equipe multidisciplinar que a atende, formada por obstetra, oncologista, psicólogo e mastologista. “Precisamos informar as gestantes diagnosticadas sobre todos os riscos, mas é possível tratar o câncer, durante a gravidez, desde que uma equipe qualificada esteja à frente do tratamento”, completa a médica.

 

Sobre o Centro Oncológico do Hospital Pasteur

Só no Rio de Janeiro, o INCA/MS estima que sejam diagnosticados cerca de oito mil novos casos de câncer de mama até o fim de 2014. Com o objetivo de oferecer atendimento integral aos pacientes adultos portadores de câncer, o Hospital Pasteur, no Méier, conta com um centro oncológico que tem capacidade para realizar cerca de quatro mil atendimentos por mês.

As instalações têm estrutura para oferecer tratamento integral para todos os tipos de câncer. Ocupando uma área de 700m2 e dois andares, o Centro Oncológico conta com oito consultórios, 15 boxes para quimioterapia, dois leitos de observação e um espaço exclusivo para exames de imagem e biópsia. Além disso, dispõe de uma equipe multidisciplinar, formada por médicos, enfermeiros, técnicos, farmacêuticos, nutricionistas, psicólogos e assistentes sociais especializados na área. “O diferencial do serviço é a integralidade da assistência ao paciente. O centro oncológico também conta com toda a estrutura do Hospital Pasteur, como emergência 24 horas, profissionais treinados para o atendimento desse perfil de paciente, unidade de internação, centro de tratamento intensivo (CTI) e o centro cirúrgico do hospital, para os casos que necessitem de intervenções cirúrgicas”, informa o diretor do centro, Luiz Augusto Maltoni, cirurgião especializado em oncologia.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>