Abril | 2019 Ano X – Edição 118 – Ansiedade pode ser algo saudável

Ansiedade pode ser algo saudável

DALVA_SOZINHA_1

ansiedadeA rotina estressante que vivemos no dia a dia tem causado ansiedade em muitas pessoas, afetando assim a saúde física e mental de muitos.

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que no Brasil, o Transtorno de Ansiedade ocorre em 9,3% da população (o maior índice entre todos os países do mundo).

Ao falar sobre esse tema, não podemos ignorar que a ansiedade normal existe e se dá diante de uma situação de risco, vinculado ao instinto de sobrevivência humana (lutar/fugir).

A ansiedade torna-se algo ruim quando não há nenhum risco real, mas apenas um medo exagerado. O lutar/fugir desse desconforto torna-se uma solução para não enfrentar esse medo e manter assim a falsa ilusão de segurança. Contudo, o medo persiste e gera uma ansiedade fora do controle, causando pânico, fobias, problemas no trabalho, nos relacionamentos interpessoais, baixa auto-estima e qualidade de vida e maior predisposição à uma série de doenças.

Porém, essa ansiedade pode ser saudável e levar à ação, ao movimento, ao investimento de energia em algo a se fazer, a enfrentar desafios, melhorar a capacidade de produção, criar coisas novas, acelerar o ritmo de trabalho etc.

As técnicas da Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) são comprovadamente consideradas as mais eficazes no tratamento da ansiedade, pois auxiliam não somente no enfrentamento dos medos existentes, como também na transformação da ansiedade em algo positivo, que jogue a nosso favor, sendo uma ótima oportunidade para lidarmos com as situações do dia a dia de maneira produtiva e saudável.

Dalva Maria de Melo
Psicóloga CRP 05/23205
Psicologia Clínica de Adultos
www.psicologonomeier.com.br
e-mail.: psidalva@gmail.com
Psicoterapia :: Tratamento de apoio aos dependentes de tabaco e outras substâncias 99603.1963

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>