Fevereiro |2016| ano VII edição 80 – Educando

Educando

Foto do autorUm novo ano se iniciou trazendo ares de renovação e de esperança. Para os estudantes, sementes do futuro de nosso País, a volta às aulas! É preciso que eles encarem positivamente esse recomeço e se conscientizem de que cada um é responsável por começar a construir agora um futuro melhor. 

Não há dúvidas de que, na base da construção de uma Nação civilizada e humana, está a Educação de seu povo. Nesse cenário, a Educação Escolar constitui importante fator na formação de futuros cidadãos, honestos e atuantes, e profissionais bem capacitados.

Em apoio à Educação Escolar, em minha atividade como professor particular de Matemática desde 1995, e bem perto dos alunos (sejam de escolar públicas ou particulares), tenho constatado a qualidade deficiente da aprendizagem e também do ensino ministrado em muitas escolas. Deixa a desejar até mesmo a qualidade de certos livros adotados como didáticos.

Infelizmente, esse quadro agrava uma situação que, segundo os educadores mais estudiosos, tem sua causa radical nos fundamentos sob os quais o modelo do ensino nas escolas brasileiras foi concebido. Por isso, muitos pais têm recorrido à contratação de aulas particulares para seus filhos, visando coadjuvar o ensino escolar tradicional, pensando no futuro deles.

Valorizo muito essa atitude dos pais. Mas, recomendo que ela seja tomada tempestivamente, para que se obtenha um resultado final satisfatório. Para isso, é importante acompanhar o desempenho escolar dos filhos desde o início das aulas: não só as notas obtidas, mas o desempenho diário deles como estudantes em casa, dividindo as horas entre o justo lazer a o estudo obrigatório. Além disso, conversar com os filhos sobre a escola é de suma importância, não só para detectar problemas de naturezas diversas, mas também para tentar identificar as causas de possíveis dificuldades de aprendizagem e, com isso, tomar logo a atitude adequada para resolver o problema, o que pode ser feito conforme o caso, com apoio de um oftalmologista, fonoaudiólogo, psicólogo, neurologista ou, até mesmo, de um professor particular. 
Nelson A. B. G. Nascimento
Engenheiro e professor particular de Matemática
(Ensino Superior, Médio e Fundamental II)
E-mail: nelson.andre.nascimento@gmail.com
 Tel.: 9-8887-6520

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>