Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – O Direito das Gestantes

barriga

A garantia de emprego (estabilidade) da gestante vai desde a concepção, que é quando você fica grávida, até pelo menos cinco meses após o parto. A licença maternidade é de 120 dias (tempo para você descansar recebendo o seu salário normalmente). . . . → Continue lendo: Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – O Direito das Gestantes

Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Dias Da Cruz, Capital do Méier, Abandonada e Bagunçada

Coluna AMME - Jorge Barata

Atrapalhando a passagem dos pedestres, há camelôs às dúzias, sem qualquer providência, além das lojas que colocam mercadorias nas calçadas. Bicicletas e motos estacionadas nas calçadas de restaurantes e pizzarias atrapalham os transeuntes. . . . → Continue lendo: Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Dias Da Cruz, Capital do Méier, Abandonada e Bagunçada

Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – UMA SAÍDA PARA O MAL DAS TONTURAS

Andrea Cariello

Quando o sistema auditivo e vestibular apresenta algum problema, individualmente ou em conjunto, surgem como sintomas principais a tontura e/ou vertigem, com ou sem sintomas neuro-vegetativos. . . . → Continue lendo: Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – UMA SAÍDA PARA O MAL DAS TONTURAS

Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – A GRANDIOSA ÁRVORE DA AMIZADE

FotoColunista_ThiagoSoaresVivaBem

Dessa vez, ao invés de comentar sobre o mundo desportivo, decidi compor esse poema para mostrar como estou agradecido pela sua leitura mensal. A vida é uma jornada que percorremos sobre verdadeiros alicerces, e um desses alicerces é você, querido leitor! Obrigado! . . . → Continue lendo: Junho | 2015 Ano VI – Edição 73 – A GRANDIOSA ÁRVORE DA AMIZADE

Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Por tudo que não vivemos

solange-diniz

Sei que é do meu sorriso que você quer lembrar. Não consigo controlar e me entrego ao pranto por tudo que não vivemos. É a primeira vez que me permito chorar desde que você partiu. Não quero que tudo que vivemos tenha sido mais um dos meus sonhos românticos e que fique apenas nas minhas mais doces lembranças. . . . → Continue lendo: Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Por tudo que não vivemos

Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Fome ou vontade de comer?

Myb1EEb

A fome resulta de uma necessidade fisiológica em obter nutrientes, ou seja, quando a taxa de açúcar no sangue fica baixa, entre as refeições, o cérebro entende que o combustível para manutenção das funções vitais está acabando e então envia sinais ao corpo, como o “ronco do estômago”, dor de cabeça etc. . . . → Continue lendo: Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Fome ou vontade de comer?

Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Dias da Cruz, Capital do Méier Abandonada e Bagunçada

BARATA

Dias da Cruz, Capital do Méier Abandonada e Bagunçada

Essa é a principal artéria do bairro. Se a principal está assim, imagine como estão as outras. Vejamos o aspecto estético. É necessário o replantio das arvores do canteiro principal. As . . . → Continue lendo: Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – Dias da Cruz, Capital do Méier Abandonada e Bagunçada

Julho |2015 Ano VI Edição 73 – Viva Bem – A grandiosa Árvore da Amizade De sua raiz jaz uma bonita relação

FotoColunista_ThiagoSoaresVivaBem

A grandiosa Árvore da Amizade De sua raiz jaz uma bonita relação

É gratificante obter uma linda e duradoura amizade,

Sob os aconchegantes ombros de um verdadeiro amigo…

Pelos sábios conselhos perante as vicissitudes…

E pela frequente cooperação diante . . . → Continue lendo: Julho |2015 Ano VI Edição 73 – Viva Bem – A grandiosa Árvore da Amizade De sua raiz jaz uma bonita relação

Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – É gripe ou resfriado?

hospital2

Ambas as doenças são transmitidas por vírus, através de gotículas respiratórias geradas pela tosse, pelo espirro ou até mesmo pela fala, além do contato das mãos com pessoas ou objetos contaminados. Mas, a gripe costuma se manifestar com início súbito de febre, dor de cabeça, dor no corpo e fadiga, associados a sintomas respiratórios, como dor de garganta, coriza e tosse seca. . . . → Continue lendo: Julho | 2015 Ano VI – Edição 73 – É gripe ou resfriado?